7 Dias, 7 Vídeos

[TEXTO] Gonçalo Oliveira [FOTO] Direitos Reservados

Era digital, informação à velocidade da luz. Vídeos e músicas a soçobrar pelas plataformas virtuais. Novidades emaranhadas entre si, confusão sónica, sentidos desorientados. Quem nos guia? Por onde vamos? Para onde vamos?

7 Dias, 7 Vídeos é o resgate audiovisual semanal nos terrenos do hip hop e electrónica. Filtragem de qualidade, barreira contra a poeira que nos cega com tanto de novo, com tanto para espreitar e escutar.


[GROGNation & Sam The Kid] “Pescoço”

“O bounce vem de Chelas mas o flavour vem de LS”. Papillon, Harold, NastyFactor, Prizko e Neck têm em mãos um novo trabalho inteiramente produzido por Sam The Kid. Um sonho antigo para ambas as partes, que colaboraram diversas vezes desde a estreia do colectivo de Mem Martins nos projectos originais — “Canal”, para a TV Chelas, tinha sido o último esforço conjunto. 


[Wet Bed Gang] “Bairro” (prod. Lhast)

Os Wet Bed Gang continuam a dar provas de que são um grupo capaz de não se deixar guiar por apenas um género, dotados de um talento e carisma que lhes permite encaixar em qualquer terreno sónico. Como tal, seria inevitável o grupo de Vialonga se cruzar com Lhast, super produtor português cuja musicalidade não se limita a ficar confinada dentro da caixa do hip hop e que já havia colaborado com Gson no passado. “Bairro” é o primeiro tema do ano para os WBG, que tinham fechado 2018 com “23 de Maio”.


[Injury Reserve] “Jailbreak The Tesla” feat. Aminé

Sempre com os olhos postos no futuro, os Injury Reserve já pensam em piratear o sistema operativo dos carros da marca Tesla. O trio, formado pelo produtor Parker Corey e os MCs Ritchie With a T e Stepa J. Groggs, assinou um contrato com a Loma Vista Recordings — editora em que militam nomes como Denzel Curry ou Marilyn Manson — para carimbar o lançamento do seu próximo LP. Depois de terem arrancado o novo ano com “Jawbreaker”, o grupo voltou a unir esforços com Aminé para este “Jailbreak The Tesla”.


[Quelle Chris] “Obamacare”

Chris Keys é um dos principais produtores escolhidos para o próximo disco de Quelle Chris e parece ter ido buscar inspiração ao bizarro universo sónico de Danny Brown para dar corpo a este “Obamacare” — uma espécie de versão amadurecida de “Really Doe”, guiada por melodias já fora do prazo de validade e trabalhada com mais atenção ao detalhe. Está conhecido o terceiro avanço de Guns — que sai já esta sexta-feira, com o habitual selo da Mello Music Group —, apresentado com recurso a um conjunto de colagens assinadas pelo próprio Quelle Chris.


[Logic] “Confessions of a Dangerous Mind”

Logic é, actualmente, um dos melhores MCs à escala planetária e, consecutivamente, um daqueles casos de quem esperamos sempre uma constante superação, comparativamente aos trabalhos editados anteriormente e até aos seus colegas de profissão. Não tão popular como Drake, Kendrick Lamar ou J. Cole, Sir Robert Bryson Hall II fala em “Confessions of a Dangerous Mind” na dificuldade que é viver com a pressão de ter todos os olhos do mundo postos em si num constante julgamento ao seu talento. A faixa antecipa um projecto com o mesmo título, que sucederá a Young Sinatra IV e Bobby Tarantino II, discos editados por Logic no ano transacto.


[Czarface & Ghostface Killah] “Powers And Stuff”

2019 voltou a juntar Inspectah Deck e Ghostface Killah num projecto. Depois dos inúmeros versos trocados no seio da família Wu-Tang Clan, os dois MCs veteranos voltam a unir esforços no âmbito de um novo disco com assinatura dos Czarface, juntando o produtor 7L e o rapper Esoteric à equação. Czarface Meets Ghostface deu origem a um novo single na semana passada, com “Powers And Stuff” a surgir no YouTube acompanhado de um vídeo que mistura realidade e animação, assinado por Josh Mac.


[Gizmo] “Cut Out”

Não foi preciso esperar muito até termos um novo álbum de Gizmo em 2019. O rapper de Rhode Island, conhecido pela energia e angústia que emprega no microfone, lançou Grit no final de Janeiro, de onde surge este “Cut Out”, um tema com produção de Xerogi. Gizmo não quis ficar parado e, após a edição de Grit, já estreou mais dois temas novos — “Ice Fist” e “Black Blood”.

Gonçalo Oliveira

Gonçalo Oliveira

Filho bastardo do jazz e da soul que encontrou no hip hop uma nova forma de abordar linguagens musicais perdidas no tempo. Não tem uma música favorita porque Jimi Hendrix e J Dilla nunca trabalharam juntos.
Gonçalo Oliveira

Latest posts by Gonçalo Oliveira (see all)