pub

Ilustração: Direitos Reservados

Uma semana de novidades audiovisuais nos terrenos do hip hop e electrónica pela mão de Gonçalo Oliveira.

7 Dias, 7 Vídeos

Ilustração: Direitos Reservados

Era digital, informação à velocidade da luz. Vídeos e músicas a soçobrar pelas plataformas virtuais. Novidades emaranhadas entre si, confusão sónica, sentidos desorientados. Quem nos guia? Por onde vamos? Para onde vamos?

7 Dias, 7 Vídeos é o resgate audiovisual semanal nos terrenos do hip hop e electrónica. Filtragem de qualidade, barreira contra a poeira que nos cega com tanto de novo, com tanto para espreitar e escutar.


[Fkj & Bas] “Risk”

Fkj e Bas trouxeram a Primavera mais cedo quando estrearam “Risk” em Novembro passado, uma canção que apontava para Ylang Ylang EP, o mais recente projecto do músico francês que aterraria nas plataformas digitais uma semanas após a mostra do single. A magia dos dedilhados de guitarra é comparável à que serviu de base para “Tadow”, o grande êxito que esculpiu em 2017 ao lado de Masego, o que fez naturalmente com que “Risk” se destacasse do restante alinhamento do curta-duração no que toca às preferências do público. O rapper da Dreamville, inegavelmente o mais versátil dos pupilos de J. Cole, complementa de forma irrepreensível a produção de Fkj com uma história de amor contagiante, relatada num misto de rap e cantoria. A criação pitoresca dos dois artistas foi agora retratada numa animação de Lossapardo, que deu cor às emoções que Fkj e Bas sentiram durante a composição de “Risk” à distância.


[9th Wonder] Entrevista @ The Formula / NPR Music

“É como a moda. Tens as camisas deste lado, os casaco ali, mas é preciso uma mente para os conseguir combinar. O mesmo se passa com os discos. É tipo, se tu não sabes como vestir, apenas não os uses.”

Este é um dos excertos mais marcantes da passagem de 9th Wonder pelo The Formula, que apenas com dois episódios no YouTube, já mostra ser uma das mais poderosas rubricas de behind the scenes do beatmaking de que temos memória. Em destaque está o processo de sampling que levou o veterano produtor até “DUCKWORTH.”, uma das faixas mais “sumarentas” protagonizadas por Kendrick Lamar na era pós-To Pimp A Butterfly. Na segunda investida por parte da NPR Music nesta nova iniciativa, 9th Wonder dá a conhecer a origem dos samples que utilizou na sua contribuição para o aclamado DAMN., explica alguns dos procedimentos que utilizou no tratamento dos sons originais, oferece dicas aos newcomers e fala de como Pete Rock influenciou a sua própria metodologia e ética de trabalho. Ponto de paragem obrigatório para todos aqueles que procuram perceber o que está por detrás do produto final que nos é apresentado.


[Vácuo] “ADEUS AMIGA” (prod. VULTO.)

VULTO. tem estado a escoar algum do seu material de arquivo durante esta quarentena, tendo a iniciativa resultado em várias faixas e vídeos editados nestas últimas semanas. Mais recentemente transformou “VERBENA”, de xtinto, depois de já nos ter dado pérolas como “MALEITA BARULHENTA 2017” ou o EP de colaborações VELHO, no qual reside o tema “ADEUS AMIGA”, interpretado por Vácuo. O rapper ex-Astro Records aproveitou o tempo disponível para filmar e editar algumas das suas rotinas por casa, assinando o próprio videoclipe para a sua contribuição no curta-duração editado no final de Março. Vácuo está neste momento a preparar MegaLowMano, cujo último single passou também por esta rubrica.


[Tom Misch & Yussef Dayes] “Nightrider” (feat. Freddie Gibbs)

Um álbum que nasce de uma parceria entre Tom Misch e Yussef Dayes? Já tínhamos acenado positivamente! Com Freddie Gibbs no lote de convidados? Levem todo o nosso dinheiro! É este o trio de ataque em “Nightrider”, a viagem possível num lowrider dentro de quatro paredes e um novo avanço de What Kinda Music, o projecto híbrido e de difícil catalogação por parte de Misch e Dayes que verá a luz do dia já esta sexta-feira. Selo de qualidade Blue Note.


[nothing,nowhere.] “DEATH”

Pop descaradamente assumida, trap mórbido, balada folk electrizada ou rock descartável. Joseph Mulherin já passou por todas estas paisagens e o seu nome artístico reflecte toda esta ideia de que não se quer deixar prender num local específico. O rapper e produtor de Foxborough, Massachusetts, conheceu o sabor do êxito à boleia de temas como “I’m Sorry, I’m Trying.” ou “hammer”, protagonizou uma dupla com o veterano Travis Barker no ano passado em BLOODLUST e voltou a segurar as rédeas do seu trajecto a solo com “nightmare”, em Janeiro. Novo tema, nova volta de 180 graus na sonoridade de nothing,nowhere.. Ora deixem-se assombrar por este “DEATH”.


[Kayo Genesis] “Circulate”

Já nos tínhamos deixado impressionar pelos visuals de Kayo Genesis num par de vezes, em “Hometown” e “Distance”. Desta vez não foi tanto pelo vídeo mas mais pelo som: “Circulate” é um boom bap cheio de “alma” no qual o artista californiano mostra todas as suas valências enquanto MC e cantor soul. Ainda a trabalhar no sucessor de Bad Sushi, Genesis partilhou algumas canções avulso durante 2019, como “Wah Wah Wah”, “Edible” ou “Energy”. Se o apetite por “barras” se mantiver, podem sempre consultar o link que “por engano” surgiu no tweet que serviu de anúncio para este “Circulate”. De nada.


[ZillaKami & SosMula] “DRAINO” feat. Denzel Curry

Um dos encontros que os adeptos do hardcore mais ansiavam aconteceu no ano passado em CITY MORGUE VOL 2: AS GOOD AS DEAD. Os nova-iorquinos ZillaKami e SosMula contracenaram com Denzel Curry em “DRAINO”, uma parceria que subiu de tom durante a última semana graças ao lançamento do respectivo videoclipe, do qual faz parte caminhar num tecto de uma casa abandonada num bairro em ruínas e onde não faltam espelhos partidos, baratas, lixo ou uma rusga policial.

pub

Últimos da categoria: 7 Dias, 7 Vídeos

RBTV

Últimos artigos