Mundo Segundo e Sam The Kid estão em “Brasa” em novo single

[FOTO] Direitos Reservados

Mundo Segundo e Sam The Kid estão em “Brasa” no novo single do seu muito esperado álbum conjunto. A faixa tem um instrumental do produtor canadiano Marco Polo e um refrão cantado por Zacky Man, dos Supa Squad. “Este tema basicamente aborda o calor, o subir a temperatura, fomos um bocado atrás das vozes de um dos samples do instrumental”, conta Mundo Segundo ao Rimas e Batidas.

“Normalmente é isso que fazemos, ouvimos o instrumental e vemos o que é que ele nos diz. E desta vez não fugiu à regra, pensámos logo que seria engraçado fazermos algo metafórico à volta do calor e do elevar a fasquia”, acrescenta o rapper e produtor dos Dealema.

O beat veio directamente das mãos de Marco Polo, produtor canadiano que tem trabalhado nos últimos anos com o designer e fotógrafo português Deck97, colaborador habitual dos Dealema. “Acontece de uma forma bastante natural. Nós temos o nosso designer, o Deck97, que trabalha há algum tempo com o Marco Polo, já lhe faz as capas de vários trabalhos, e questionámo-lo nesse sentido, se seria possível perguntar ao Marco se estaria disponível para produzir um dos temas do nosso disco”, explica Mundo Segundo, sobre uma colaboração que já era antecipada. “Ele mostrou-se disponível, nós fizemos questão de o trazer cá a Portugal para passar uma temporada de 15 dias. Fomos ao Gerês, passámos lá uns dias, tivemos a possibilidade de falar com o Marco sobre as ideias que tínhamos. Ele mostrou-nos alguns dos beats que tinha e de forma natural escolhemos este, ficámos logo bastante contentes porque tinha a nossa cara.”

Zacky Man vem complementar o tema com uma voz dancehall no refrão de “Brasa”. “Nasceu de uma sugestão do Mundo Segundo de inserir um elemento dancehall no refrão, que era uma coisa que se fazia há alguns anos, num beat de hip hop tradicional, e é uma coisa que não se tem visto ultimamente”, conta Sam The Kid ao Rimas e Batidas. “Queríamos experimentar algo, também para variar os nossos refrões, trazer algo de diferente, e foi das primeiras pessoas em que pensámos. O Zacky Man é bastante versátil e acessível, muito humilde. Apesar de ele não ser um artista que habitualmente utilize o português nas suas músicas, a colaboração foi tranquila, foi fácil convencê-lo e ficámos satisfeitos com o resultado.”

O muito esperado disco, ainda sem título oficial, tem vindo a ser falado há vários anos, desde que a dupla interpretou ao vivo um tema intitulado “Gaia e Chelas”, no Festival Vicious HipHop, no Hard Club, no Porto, em 2013. Depois, ouvimos as rimas e batidas conjuntas destes amigos de longa data — e autênticos bastiões e dinamizadores do hip hop lisboeta e portuense — em “Tu Não Sabes” e “Também Faz Parte”. Agora conhecemos um novo capítulo desta aventura a dois.

“É mais um tema que está na rua, o álbum está bastante avançado, mas mesmo que estivesse pronto se calhar não diríamos”, explica Samuel Mira. “Porque achamos que, hoje em dia, a melhor forma de apresentar as coisas é o factor surpresa. Gostamos da forma como temos estado a divulgar as músicas, ou seja, adaptar-nos aos dias de hoje — e é uma forma inteligente de fazer com que um projecto dure mais, do que estar anos a fazer uma coisa, apresentá-la com as músicas totalmente novas e para a semana toda a gente se esquece. Assim, de forma espaçada, vamos apresentando músicas. Claro que já gostaríamos de ter o disco cá fora, mas [irá acontecer] em breve — não sabemos quando, nunca vamos dizer datas [risos]. Interessa é que fique bom, é o mais importante.”

O vídeo de “Brasa” foi realizado por Thomas Zimmermann. A mistura e masterização da faixa ficou a cargo do italiano Emanuele Mocce Mocchetti.

 


ReB Team

ReB Team

Facebook.com/rimasebatidas
Twitter: @rimasebatidas
Instagram: @rimasebatidas
SoundCloud.com/rimasebatidas
YouTube.com/c/rimasebatidas
Mixcloud.com/rimasebatidas
ReB Team