Sexta-feira farta: novos trabalhos de Nas, Beyoncé, Maxo Kream, Willow e Baby Keem

[FOTO] Direitos Reservados

O Rimas e Batidas está na estrada para fazer a cobertura dos maiores festivais que operam em solo nacional, mas isso não nos impede de continuar atentos e a escutar as novidades mais relevantes do panorama musical. Hoje seleccionamos uma mão-cheia de discos que merecem toda a vossa atenção. 

Depois de se ter juntado a Kanye West em NASIR, no ano passado, Nas compilou uma lista de 16 faixas inéditas que se encontravam arquivadas, agora dadas a conhecer como The Lost Tapes 2. Beyoncé é, neste momento, a artista que desempenha o papel de maior destaque na renovação d’O Rei Leão, assinando a curadoria e a produção-executiva de um disco inspirado no clássico da Disney. Maxo Kream apresentou Brandon Banks como LP de estreia pela RCA Records e Willow deu continuação à sua ligação com a Roc Nation num álbum homónimo, o terceiro na sua conta pessoal. No capítulo das estreias, DIE FOR MY BITCH serve como carta de apresentação para Baby Keem, rapper que orbita na esfera artística da Top Dawg Entertainment.


[Nas] The Lost Tapes 2

As sessões de criação e gravação para os álbuns Hip-Hop Is Dead (2006), Untitled (2008), Life Is Good (2012) e NASIR (2018) resultaram também em alguns temas que se encontravam arquivados e longe dos ouvidos do público. Nas recuperou-os hoje num novo volume da saga The Lost Tapes, em mais uma edição pela sua Mass Appeal Records. Composto por 16 faixas, a compilação junta convidados como Kanye West, RZA, Pharrell Williams ou Swizz Beatz.


[Beyoncé] The Lion King: The Gift

Uma das grandes atracções no novíssimo remake d’O Rei Leão está nas vozes dos actores/artistas escolhidos para interpretar as personagens criadas pela Disney. No filme, Beyoncé fez de Nala, mas o seu papel para com a saga acaba de alcançar um nível superior: Queen Bey orientou um álbum totalmente inspirado na longa-metragem, que descreve como uma “carta de amor a África”. Na sua lista pessoal referente a 2019, The Lion King: The Gift sucede ao concerto/documentário Homecoming. Kendrick Lamar, Jay-Z, Childish Gambino, Pharrell Williams, Tierra Whack, Major Lazer e WizKid são alguns dos artistas presentes na longa lista de créditos do projecto.


[Maxo Kream] Brandon Banks

Maxo Kream tem batalhado para vingar enquanto artista no circuito do hip hop norte-americano. O rapper do Texas conta com um passado que o liga a organizações criminosas mas, desde 2012, tem-nos feito chegar várias mixtapes. Hoje estreia-se por uma major, a RCA Records, e mostra-se a um público maior neste ambicioso Brandon Banks. Travis Scott, ScHoolboy Q, A$AP Ferg e Megan Thee Stallion funcionam como selo de qualidade garantida do projecto, dando o aval ao colega na forma de colaborações.


[Willow] WILLOW

A familia Smith continua a dar provas de que tem queda para as artes. Willow — irmã de Jaden, ambos filhos de Will Smith e Jada Pinkett Smith — acaba de lançar o seu terceiro álbum através da MSFTS Music, em parceria com a Roc Nation. É precisamente Jaden o único convidado registado em WILLOW, o longa-duração que sucede a The 1st, de 2017.


[Baby Keem] DIE FOR MY BITCH

O jovem Baby Keem caiu nas graças da Top Dawg Entertainment: foi convidado por Kendrick Lamar para integrar Black Panther: The Album, tendo dado continuidade à relação com a editora através de parcerias com Jay Rock e ScHoolboy Q. Hoje apresenta-nos o seu álbum de estreia DIE FOR MY BITCH, editado de forma independente e sem registar qualquer convidado.

ReB Team

ReB Team

Facebook.com/rimasebatidas
Twitter: @rimasebatidas
Instagram: @rimasebatidas
SoundCloud.com/rimasebatidas
YouTube.com/c/rimasebatidas
Mixcloud.com/rimasebatidas
ReB Team