pub

Texto: ReB Team
Fotografia: Fabrice Bourgelle

O festival acontece todos os sábados e domingos de Julho.

Joe Armon-Jones, Bruno Pernadas e Ricardo Toscano, entre outros, no Matosinhos em Jazz 2019

Texto: ReB Team
Fotografia: Fabrice Bourgelle

Matosinhos vai receber uma série de músicos (nacionais e internacionais) de jazz durante o mês de Julho, todos os sábados e domingos, com actuações às 18 horas no Coreto em frente à Câmara Municipal.

A 6 de Julho, Ricardo Toscano é o primeiro nome na lista de concertos. O saxofonista, que recentemente esteve em grande destaque no Rimas e Batidas, lançou o seu primeiro disco no ano passado com a chancela da Clean Feed Records.



A 13 de Julho, Joe Armon-Jones, um dos talentos mais cintilantes do novo jazz britânico, aterra em Portugal para apresentar Starting Today, álbum editado em 2018.

Um dia depois, a 14 de Julho, Bruno Pernadas, um dos músicos mais prendados do actual panorama nacional, sobe a palco para mostrar um alinhamento que mistura How can we be joyful in a world full of knowledge, Worst Summer Ever e Those who throw objects at the crocodiles will be asked to retrieve them, os seus três LPs a solo.



Inês Pimenta (7 de Julho), Salvador Sobral (20 de Julho), Susana Santos Silva (21 de Julho), Orquestra Jazz de Matosinhos com Fay Claasen (26 de Julho) e Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música com Avishai Cohen (27 de Julho) completam a programação.

Nem só de música se faz o Matosinhos em Jazz: Bráulio Amado, Kruella D’Enfer, Catarina Glam e Pedro Mkk foram os artistas convidados para recriarem as capas de Naked City (John Zorn), Lady in Satin (Billie Holliday), Brilliant Corners (Thelonious Monk) e Getz / Gilberto (Stan Getz & João Gilberto), respectivamente. O resultado das interpretações ficará em exposição no Jardim Basílio Teles.


pub

Últimos da categoria: Curtas

RBTV

Últimos artigos