Anderson .Paak: Madlib, Dr. Dre e o álbum que sempre quis fazer

[FOTO] Sebastião Santana

O novo álbum de Anderson .Paak ainda não tem data de lançamento, mas isso não impediu que o músico de Oxnard, Califórnia, levantasse um pouco do véu sobre a sua produção em conversa com a Rolling Stone.

“Tudo o que fizemos no Malibu foi a partir do nada. Nós tínhamos o mínimo”, recordou .Paak, referindo-se ao processo que o levou até esse LP e, consequentemente, às duas primeiras nomeações para os GRAMMYs. “Estás a tentar ser a mesma pessoa, mas num carro novo. Agora, é manter a mesma mentalidade, mas quando tens tudo”. Na tentativa de encontrar comparações possíveis, o artista, que antes assinava como Breezy Lovejoy, falou dos discos que o inspiraram a chegar aqui: “Este é o álbum que eu sonhava fazer quando estava no ensino secundário, quando ouvia o The Blueprint [de Jay Z], o The Documentary [de The Game] e o The College Dropout [de Kanye West].”

A peça-chave para Oxnard, o título do próximo longa-duração, também vive na Califórnia. Dr. Dre, que ficou tão encantado com .Paak que o convidou, em 2015, para abrilhantar uma série de faixas de Compton, é o seu “mestre” dentro de estúdio e o responsável pela produção executiva e mistura de todo o disco. “Ele era o pináculo. Tê-lo como meu mentor é surreal”, revelou.

E como é que funciona uma sessão de estúdio com um dos melhores produtores de todos os tempos? O autor de Venice abriu o jogo: “Ele não vai ficar ali na MPC a fazê-los de raiz. Ele chama esta pessoa para o estúdio, chama aquela pessoa para o estúdio e guia a sessão toda. Assim que sai das mãos deles, quando ele coloca o seu nome lá, vai ser uma coisa totalmente diferente. Vai ser tudo perfeito”.

Apesar de manter o secretismo sobre a lista de convidados, Anderson .Paak confirmou a suspeita do jornalista da Rolling Stone, que atirou o nome de Madlib para o meio da conversa, dedução acertada uma vez que o produtor afiliado da Stones Throw é natural da cidade californiana que dá título ao novo trabalho de .Paak. A ligação entre o cantor e o produtor aconteceu através de um amigo, que também é rapper. Segundo o membro dos NxWorries, o beat do icónico produtor soa diferente daquilo a que estava habituado.

Na sua segunda vinda a Portugal, Anderson .Paak deu um dos melhores concertos da edição deste ano do Super Bock Super Rock. Podem (re)ler a reportagem aqui.

 


ReB Team

ReB Team

Facebook.com/rimasebatidas
Twitter: @rimasebatidas
Instagram: @rimasebatidas
SoundCloud.com/rimasebatidas
YouTube.com/c/rimasebatidas
Mixcloud.com/rimasebatidas
ReB Team