Allen Halloween anuncia fim da carreira

[FOTO] Manuel Abelho

Sem que nada o fizesse prever, Allen Halloween colocou hoje um ponto final na sua carreira musical. O anúncio foi feito nas redes sociais:

“Durante anos, tentei fazer música e servir a Jeová ao mesmo tempo mas isso…isso sempre foi uma tarefa impossível para mim. Eu amo demais! Não consigo fazer nada por metade. Não consigo estar envolvido em nada que não seja a 100%. Então entendi que nenhum escravo pode servir a dois senhores ao mesmo tempo; ele acabará sempre por apegar-se mais a um e desprezar o outro. Eu tenho vindo a desprezar o meu Pai a muito tempo e não o farei mais. Anuncio aqui, o fim da carreira de Allen Halloween. Este é assunto no qual tenho pensado muito, ao longo todos estes anos e que finalmente tenho coragem e fé para resolvê-lo. Peço a todos que respeitem a minha decisão e que quando me virem por aí, não me chateiem mais com coisas do Halloween. O Halloween morreu. Acabou! Tornarei-me um homem simples e humilde, com um emprego humilde e guardarei todo o meu tempo para pescar almas para o meu Senhor. Agradeço a Deus por Ele me ter dado tempo para fazer tudo o que quis fazer e por nunca me ter abandonado. Agradeço a todos aqueles que sempre me apoiaram, desde do primeiro dia. Aqueles que faziam centenas e centenas de km para me ver, para me ouvir. Foi forte! Foi puro! Fui lindo! Sem esquemas, sem truques! E que ninguém fique triste porque eu estou feliz. Eu vou para um lugar muito melhor, melhor do que todos aqueles que os meus olhos virão até hoje. Um lugar onde eu realmente me sinto em paz. Sem muitos mais mimimís; Yah rapazes e raparigas, abraço grande do Original KAPPA, esta é a minha paragem. Fui. ‘ESTÁ CONSUMADO.'”

Allen Pires Sanhá esteve particularmente activo este mês, lançando o muito esperado Uplugueto e um livro intitulado Livre-Arbítrio (o ReB marcou presença no evento de apresentação na ZDB).

Depois do lançamento de Projecto Mary Witch (2006), A Árvore Kriminal (2011) e Híbrido (2015), Halloween atirou-se para outros terrenos no mais recente disco, mas manteve o seu traço singular e fê-lo sem se desviar um milímetro dos ideais que lhe reconhecemos: “O homem de Híbrido traçou o seu próprio percurso, alheio a movimentações de fundo no mais vasto contexto cultural do hip hop a que o temos associado, mantendo-se resolutamente independente mesmo no momento em que a indústria decidiu energicamente abraçar um género que floresceu de forma orgânica e natural na sua periferia. Essa independência não é fruto de um qualquer calculismo financeiro, mas de uma mais funda consciência filosófico-espiritual que o mantém à margem de um jogo que, em boa verdade, Allen nunca manifestou intenções de querer jogar. Não porque lhe desconheça as regras, antes porque, muito simplesmente, não lhe reconhece a validade de objectivos.”


ReB Team

ReB Team

Facebook.com/rimasebatidas
Twitter: @rimasebatidas
Instagram: @rimasebatidas
SoundCloud.com/rimasebatidas
YouTube.com/c/rimasebatidas
Mixcloud.com/rimasebatidas
ReB Team