7 Dias, 7 Vídeos

[TEXTO] Gonçalo Oliveira [FOTO] Direitos Reservados

Era digital, informação à velocidade da luz. Vídeos e músicas a soçobrar pelas plataformas virtuais. Novidades emaranhadas entre si, confusão sónica, sentidos desorientados. Quem nos guia? Por onde vamos? Para onde vamos?

7 Dias, 7 Vídeos é o resgate audiovisual semanal nos terrenos do hip hop e electrónica. Filtragem de qualidade, barreira contra a poeira que nos cega com tanto de novo, com tanto para espreitar e escutar.


[Navy Blue] “Simultaneously Bleeding”

According to The Waterbearer, gangway for navy, april blue, forest green ou from the heart… foram alguns dos vários lançamentos que Navy Blue efectuou pelo SoundCloud nos últimos cinco anos sem levantar grandes ondas. Skater profissional (mais conhecido por Sage Elsesser) e amigo próximo de Earl Sweatshirt, foi graças ao verso cristalino que assinou em “The Mint”, de Some Rap Songs, que o seu nome começou a pairar nos radares da imprensa que dedica parte dos seus escritos ao talento emergente. Em colaboração com a Freedom Sounds, o mês passado trouxe-nos o seu primeiro longa-duração, Àdá Irin, criado em homenagem ao seu avô. Grande parte da produção do disco é da sua autoria — com alguns apontamentos de Rago Foot e DJ Preservation — e o veterano Ka é o único MC convidado para contracenar consigo. Ensanguentado mas com forças suficientes para dar a volta por cima, “Simultaneously Bleeding” é o primeiro tema do trabalho a receber tratamento visual, com o vídeo a ficar ao cargo de Ryosuke Tanzawa, que tem editado peças para artistas como ScHoolboy Q e Fetty Wap ou marcas como a Reebok e Adidas.


[CLBRKS & Morriarchi] “Bonito” feat. Capriisun

Possivelmente um dos nossos sonhos mais húmidos tornou-se realidade durante a semana transacta: “Bonito”, faixa do catálogo da Blah Records, tem agora um videoclipe que foi inteiramente rodado entre Lisboa e Sintra. O single pertence a CLBRKS e Morriarchi, rapper e produtor que em breve se vão estrear num álbum colaborativo — MICROWAVE COOKING 2000 chega esta sexta-feira — e tem a participação de Capriisun.


[ize] “This Is Not A Drill”

Drum and bass com influências de Death Grips numa manifestação anti-drill? O novo single de ize tem tudo isso e antecipa o primeiro EP de originais do rapper nova-iorquino — Ize Cream Man chega no dia 5 de Junho e, apesar do alcance de “This Is Not A Drill” ter sido mínimo nas principais plataformas de streaming, o EP já começou a ser reservado por alguns dos utilizadores do Bandcamp. AceMo, que já participou numa das compilações que a Adult Swim dedica aos beatmakers e pertence à dupla AceMoMa, volta a assegurar uma produção de ize, depois das boas indicações deixadas nos temas soltos “Double Stack” ou “Ghost”.


[Lil Darkie] “Rap Music” (prod. Wendigo)

Os Spider Gang são um dos colectivos que mais têm crescido no circuito do horrorcore. No seu canal no YouTube, há dezenas de vídeos que surgiram durante os últimos três anos. No final de 2020, o grupo teve o seu pico de popularidade graças a “Genocide Pt.4”, uma animação com música de Lil Darkie, o fundador dos Spider Gang, que na semana passada foi autor de uma nova investida a solo: “Rap Music” é mais um episódio cartoonesco, que desta vez dá corpo a uma faixa que mistura rap hardcore ao rock mais “azulado”.


[JPEGMAFIA] “Covered In Money!”

Já lá vão os dias em que JPEGMAFIA era um artista quase anónimo sem acesso ao “bolo” que todos querem tanto comer. Apesar de ter editado o seu último álbum no final do ano passado, o rapper e produtor de Baltimore tem estado bastante activo no YouTube, tendo já editado “BALD!”, a primeira música nova pós-All My Heroes Are Cornballs, dado a conhecer vários momentos da sua JPEGMAFIA TYPE TOUR e estreado a série How To Build A Relationship, com várias gravações de bastidores na companhia de amigos e colaboradores como Maxo Kream, Danny Brown ou Denzel Curry. No último episódio de HTBAR há até um freestyle sobre a batida de “Sing About Me, I’m Dying Of Thirst”.


[Da$h] “SMDYB”

Em 2017, Da$h surgiu em palco a meio de um concerto de $UICIDEBOY$ por intermédio de $crim, metade da dupla, que queria dar a conhecer ao seu público um novo artista com quem andava a trabalhar. Quase três anos passaram desde o acontecimento e provavelmente muitos até já tinham perdido a esperança no que iria resultar da colaboração, até que, na semana passada, aterrou na Internet o álbum Walk The Plank. Germ é o único convidado do disco que é interpretado por Da$h e produzido na íntegra por $crim sob o alter-ego Budd Dwyer. Depois da faixa que dá título ao LP ter sido retratada em vídeo por LONEWOLF, “SMDYB” ingressa também no formato audiovisual pela mão de ABOVEGROUND.


[Macto] “Amouse Bouche”

Era um dos projectos nacionais que mais ansiávamos para 2020 e já começou a ganhar forma. YOUNGSTUD e Sensei D. respondem agora por Macto e têm um disco “pronto” em mãos, cujo lançamento está agora a ser reformulado após o COVID-19 ter galgado terreno e instalado-se também em Portugal. “Amouse Bouche” é o primeiro avanço da dupla, não constará no alinhamento do álbum de estreia mas deixa antecipar um futuro risonho para a nova dupla do hip hop português.

Gonçalo Oliveira

Gonçalo Oliveira

Filho bastardo do jazz e da soul que encontrou no hip hop uma nova forma de abordar linguagens musicais perdidas no tempo. Não tem uma música favorita porque Jimi Hendrix e J Dilla nunca trabalharam juntos.
Gonçalo Oliveira