Keso: “Este disco é assumir o meu ódio à humanidade”

O original marginal Keso lançou recentemente o seu novo álbum, KSX2016, considerado aqui mesmo como um dos melhores discos de hip-hop português do primeiro semestre do ano.

O Rimas e Batidas acompanhou a apresentação do trabalho no Porto, no espaço Maus Hábitos, e, pelas perguntas de Rui Miguel Abreu, abordámos numa pequena conversa a visão do autor sobre a produção deste disco – revisto nesta casa por Francisco Noronha – e a essência deste poeta marginal nortenho que tem raízes bem assentes no rap.

O rapper/produtor actua em Lisboa já no final desta semana, no evento Alcântara Toca Discos, que se realiza nos dias 17 e 18 de Junho no Village Underground.

 


 

ReB Team

ReB Team

Facebook.com/rimasebatidas
Twitter: @rimasebatidas
Instagram: @rimasebatidas
SoundCloud.com/rimasebatidas
YouTube.com/c/rimasebatidas
Mixcloud.com/rimasebatidas
ReB Team