Drik Barbosa lança Espelho, o seu EP de estreia

[TEXTO] Núria R. Pinto [FOTO] Luciana Faria

Bastaram 5 meses para que, depois de assinado o contrato com o Laboratório Fantasma de Emicida, recebêssemos Espelho, o primeiro trabalho a solo de Drik (lê-se Drika) Barbosa. A MC de São Paulo é dona de um dos estilos mais singulares no hip hop brasileiro e aposta como poucos na fusão entre o hip hop e o r&b clássico.

A compor desde os 14 anos, não tardou até que Emicida reparasse no talento de Adriana Barbosa e a chamasse para colaborar em vários trabalhos, como foi o caso de “Aos Olhos de Uma Criança” e “Mandume“. Conhecemo-la também do colectivo Rimas & Melodias, com quem estivemos à conversa em Novembro passado, momento em que nos confessou que já estaria a trabalhar num projecto a solo.

 


“ESPELHO” é o nome do meu EP, meu primeiro trabalho autoral que reúne 5 faixas e será lançado pela @lab_fantasma , dando início a um novo ciclo na minha carreira. É um projeto muito íntimo em que cada faixa é como se fosse uma conversa minha comigo mesma, sobre estar encarando meus sentimentos, lutas e pensamentos. Por isso escolhi o nome “Espelho” por ser o que mais traduz essa reflexão. O que torna ainda mais íntimo esse trabalho é o fato de que cada faixa contém a minha personalidade na forma como falo sobre os temas que abordo. Procuro ser uma pessoa otimista e passo isso nas canções, porém quando falo sobre preconceitos, racismo, machismo e coisas negativas que me rodeiam, sou bem direta para que me ouçam e entendam a urgência de transformar essas questões. O simbolismo da água permeia todo o EP e está representado nas várias nuances dos versos: cura, purificação, força e fúria, sem nunca perder a essência. Independente de onde esteja, em um copo ou no oceano, a água continua sendo água, da mesma forma que eu, independente de onde eu vá ou esteja, mantenho a minha essência. A sonoridade de “ESPELHO” transita entre o RAP e o R&B, ritmos que me influenciam e estão na base do meu trabalho. A direção e produção musical do EP é assinada por @tunesbygrou, produtor e beatmaker que já trabalhou com @emicida, @kamau_ , @criolomc e @rimasemelodias, entre outros. A única exceção é o primeiro single, “MELANINA”, que foi produzido por @deryckcabrera, também produtor e beatmaker que tem no currículo trabalhos com Criolo, #JayPrince, @donloficial, entre outros. A direção vocal é assinada por @d_cazz ✨ O projeto que conta também com as participações de @rinconsapiencia e @_stefanie_roberta é o primeiro gravado no mais novo estúdio da Lab Fantasma e chega às lojas dia 16 de março nas versões digital e física. Espero que cada um que ouça “ESPELHO” consiga enxergar um pouco do reflexo de si mesmo, assim como eu consigo me ver refletida em cada rima, cada verso e cada nota desse trabalho. Obrigada por todo apoio e carinho e a todos que estão realizando esse sonho junto comigo! Drik Barbosa 🌹✨ ___ Foto: @lucianafaria_ Styling: @santahelena Make: @makeupcarolromero

Uma publicação partilhada por DRIK BARBOSA ⚡️ (@drikbarbosa) a


Espelho contém 5 faixas com produção a cargo de Grou, com excepção para “Melanina”, tema em que a MC contou com a produção de Deryck Cabrera. Com participação de Rincon Sapiência, a faixa surgiu a 2 de Março em jeito de antecipação ao EP. “A ‘Melanina’ foi uma das várias músicas que criámos juntos… Pela energia festiva e pesada acabou-se configurando como uma escolha óbvia de primeiro single do EP. Adoro essa música, é perfeita para se energizar positivamente”, confessava o produtor ao ReB.

Para além de Rincon Sapiência, Drik chamou a sua parceira de Rimas & Melodias, Stefanie, para engrossar o rol de participações. Um trabalho de casa com cheiro a verão para se ouvir no fim-de-semana que se espera de chuva, relembrando que Drik Barbosa foi uma das mais recentes confirmações para o Sumol Summer Fest 2018.

 


Núria Rito Pinto

Núria Rito Pinto

Hip hop, r&b e brasilidades com tanta moderação quanto vontade. Fundou o clube de fãs da “Corda” do Boss AC, já comprou CDs pela capa e preferia comer douradinhos frios todos os dias do que ficar sem Spotify.
Núria Rito Pinto

Latest posts by Núria Rito Pinto (see all)