pub

Publicado a: 29/06/2016

Dead End estreia no Rimas e Batidas a sua versão de “Caravana”

Publicado a: 29/06/2016

[FOTO] Wilson Pereira

Como não pudemos deixar de reparar, as vozes acapella de Sam The Kid e Boss AC no single “Caravana”, lançado na TV Chelas, foram alvo de inúmeras versões de produtores portugueses – e não só! Aproveitamos para deixar o aviso que se aproxima um novo artigo com a segunda fornada de abordagens de beatmakers aos versos de STK e AC, mas hoje estreamos no Rimas e Batidas a versão de Dead End, notável produtor que se move entre os universos do hip-hop e da electrónica, enfim, um autêntico protótipo da ciência rítmica avançada que tanto prezamos nesta casa.

Sem fugir ao seu estilo e fazendo uma das versões mais originais, Dead End considerou este um “desafio interessante” e “uma oportunidade única de produzir para um acapella de dois artistas que me marcaram e continuam a marcar”.

“É sempre interessante poderes dar a tua visão de como a faixa pode ficar com o teu cunho, já o tinha feito com um acapella do Mike El Nite e com outros de rappers estrangeiros e irei continuar a fazê-lo. Adoro remixar acapellas, faz parte da minha génese enquanto produtor de electrónica”, diz-nos o artista, que foi dos que mais modificou as vozes de Sam The Kid e Boss AC.

“Tentei dar uma abordagem agressiva e dinâmica ao som e transformá-lo num autêntico headbanger, mostrando a minha visão e a minha sonoridade – que neste caso foge ao trap habitual – e transformar o som num boom-bap selvagem e electrónico, com várias transformações ao longo da faixa”.

Dead End espera por mais iniciativas destas e lança o desafio a outros MCs portugueses. “Acho que para os produtores quanto mais acapellas fossem disponibilizados pelos rappers melhor, para assim podermos ouvir abordagens novas às faixas e sonoridades diferentes dos beatmakers portugueses que têm muito potencial e qualidade. Fico contente com esta iniciativa e o buzz que criou só mostra que queremos mais. É uma excelente forma de todos poderem mostrar o seu trabalho, espero que haja mais iniciativas destas”.

Entretanto, Sam The Kid, em mais uma emissão da TV Chelas, disponibilizou a versão acapella e instrumental do tema “Eternamente”, lançado há dias, com Sir Scratch. Portanto, há novo material do bom para todos os produtores e beatmakers, tal como pedia Dead End. Enquanto isso e enquanto não compilamos a segunda fornada de versões de “Caravana”, ficamos com a abordagem de Dead End, em exclusivo no Rimas e Batidas.


pub

Últimos da categoria: Avanços