The Cinematic Orchestra quebra o silêncio com a ajuda de Roots Manuva

[TEXTO] Vasco Completo [FOTO] Direitos Reservados

O grupo The Cinematic Orchestra voltou a dar sinais de vida após 12 anos sem discos com “A Caged Bird/Imitations of Life”, tema com a participação do artista inglês Roots Manuva. Jason Swinscoe e Dominic Smith quebraram o jejum e anunciaram o lançamento de To Believe, agendado para 15 de Março

O duo inglês, que se passeia levemente entre o jazz e a electrónica ambiente, celebra este ano o 20º aniversário do primeiro álbum Motion. Na sua discografia constam ainda dois discos que representam os seus trabalhos mais fortes: Man With The Movie Camera e Ma Fleur (trabalho que inclui “To Build a Home”, tema com Patrick Watson).

 



O novo single constitui um esforço modernizado da estética que preconizam, normalmente desenhada à volta do piano, com uma batida que anda no limbo entre o acústico e o electrónico. O recurso à electrónica é feito na medida certa, os instrumentos aparecem de maneira minimalista, embora encontremos várias camadas e texturas – com cordas, baterias, teclados a surgirem “em cena” – nos quase 7 minutos de “A Caged Bird/Imitations of Life”. Roots Manuva, com a sua voz pesada, cria uma harmonia que encaixa com os timbres do instrumental, caminhando de mãos dadas ao longo do dinâmico e progressivo desenvolvimento estrutural da faixa.

To Believe incluirá contribuições de Moses Sumney, Heidi Vogel, Dorian Concept ou Grey Reverend. Miguel Atwood-Ferguson (associado a trabalhos de Flying Lotus, Anderson .Paak, Thundercat ou Hiatus Kaiyote) também escreveu arranjos de cordas para o disco.

 


ReB Team

ReB Team

Facebook.com/rimasebatidas
Twitter: @rimasebatidas
Instagram: @rimasebatidas
SoundCloud.com/rimasebatidas
YouTube.com/c/rimasebatidas
Mixcloud.com/rimasebatidas
ReB Team