pub

Texto: ReB Team
Fotografia: Direitos Reservados

R&b, rap e kuduro.

Sexta-feira farta: novos trabalhos de Brent Faiyaz, Denzel Curry & Kenny Beats, Boldy James & The Alchemist, Pongo e Pop Smoke

Texto: ReB Team
Fotografia: Direitos Reservados

Uma mão cheia de novos discos e o fim-de-semana tem tudo para correr um pouco melhor.

Pongo é o furacão no meio dos norte-americanos que hoje surgem no radar das edições e trouxe consigo UWA, um novo esforço para elevar o kuduro a outras dimensões. Carta fora do baralho do mainstream, Brent Faiyaz canta como poucos e acrescenta o r&b ao menu dos lançamentos com o seu novíssimo Fuck The World. Denzel Curry (com Kenny Beats), Boldy James (com The Alchemist) e Pop Smoke são três belos modelos para um MC dos tempos modernos, ambos a representar diferentes vertentes e subgéneros do rap, mas que se cruzam pela excelência nas rimas e no skill. Todos eles reservaram novos álbuns para o dia de hoje.

Obongjayar (Which Way Is Forward?), 2 Chainz & T.R.U. (No Face No Case), L V I N (Songs Of Lisbon EP) e Against All Logic (2017-2019) também apresentaram propostas válidas para os que ousarem explorar mais além.


[Brent Faiyaz] Fuck The World

Um dos nomes mais quentes na cena masculina do r&b é Brent Faiyaz. O cantor de Maryland começou por se apresentar ao mundo com A.M. Paradox e ficou mundialmente conhecido pouco depois da participação em “Crew”, o super-single de GoldLink que esteve nomeado para Melhor Performance de Rap/Canto na edição de 2018 dos GRAMMYs. Depois de Sonder Son, o disco de estreia, editado em 2017, Brent Faiyaz regressa com este Fuck The World, um trabalho solitário em que se sobressai a mestria com que molda os seus vocais e os organiza cuidadosamente por camadas.


[Denzel Curry & Kenny Beats] UNLOCKED

Denzel Curry regressou à cave mais famosa do hip hop para desenhar um novo projecto ao lado de Kenny Beats, o primeiro enquanto dupla. Nenhum sinal apontava para a edição deste UNLOCKED até que rapper e produtor anteciparam ontem o EP com uma curta-metragem, que mostra a mais mirabolantes das viagens que ambos os artistas protagonizaram pelo disco rígido do computador de Kenny em busca das oito faixas que completam o trabalho.


[Boldy James & The Alchemist] The Price Of Tea In China

12 faixas chegam para concluirmos que as rimas de Boldy James valem muito mais do que o preço a que é vendido o chá na China. O rapper de Detroit caiu nas graças do veterano Alchemist, que em 2013 se chegou à frente na altura de produzir o primeiro álbum do colega. Após My 1st Chemistry Set, James trilhou o seu trajecto por conta própria mas os projectos que foi acumulando passaram largamente despercebidos entre o oceano de novos lançamentos, tão típicos da era em que vivemos. Mas quem está vivo sempre aparece: rapper e produtor nunca deixaram de colaborar e hoje voltam a unir esforços num novo longa-duração, que nos chega a menos de dois meses desde que BOLDFACE, um EP a duas cabeças, viu a luz do dia. Freddie Gibbs, Vince Staples, Benny The Butcher e Evidence são as poucas mas importantíssimas colaborações conseguidas pela dupla para este novo trabalho.


[Pongo] UWA

Já lá vão uns bons anos desde que Pongo era apenas a jovem que deu voz a “Kalemba (Wegue Wegue)”, faixa dos Buraka Som Sistema. Escolhida como uma das “100 Essential New Artists for 2020” pela revista NME e actualmente a meio de uma grande digressão europeia, a artista aproveitou o final desta semana para nos presentear com UWA, um novo EP, que foi apresentado ao vivo há um par de dias em Lisboa. Raphael D’Hervez é o único produtor creditado no sucessor de Baia.


[Pop Smoke] Meet The Woo 2

Há um novo príncipe em Brooklyn. O jovem Pop Smoke foi o segredo mais bem guardado da Republic Records até ao ano passado, quando arrancou com a promoção de Meet The Woo, o seu trabalho de estreia, e viu os primeiros milhões de plays a acumularem-se sucessivamente a cada novo single, com “Welcome to the Party” a ser até remisturado por Nicki Minaj e Skepta. Quem quis aproveitar algum do brilho do diamante em bruto foi Travis Scott, que contracenou com Smoke em “Gatti”, uma das faixas mais orelhudas do trabalho de estreia dos seus JackBoys. O rapper de Nova Iorque lança agora o segundo volume de Meet The Woo e convidou Quavo, A Boogie Wit da Hoodie, Fivio Foreign e Lil Tjay para a festa.

pub

Últimos da categoria: Curtas

RBTV

Últimos artigos