Sam The Kid apresenta Mechelas no Sumol Summer Fest 2019

[TEXTO] Alexandre Ribeiro [FOTO] Direitos Reservados

A Música no Coração revelou hoje de manhã as novas confirmações para a edição deste ano do Sumol Summer Fest, festival que decorre nos dias 5 e 6 de Julho na Ericeira. Sam The Kid (com Mechelas) e a “Embaixada Artística do Porto” fizeram parte do anúncio conduzido por Luís Montez, rosto principal da promotora, na conferência de imprensa que aconteceu na loja Quicksilver.

No dia 5 de Julho, a grande novidade é o “concerto exclusivo” de Samuel Mira com a sua mais recente compilação como pano-de-fundo. O elemento principal desta narrativa explicou o funcionamento do espectáculo ao Rimas e Batidas: “serei o host e o hype man — quando for necessário. Também estarei com a MPC em palco. O décor será interessante porque vais sentir mesmo que estás em Chelas, e é como se eu fosse o apresentador. Entrem em minha casa. Eu, pessoalmente, vou levar o caminho para alguma intimidade, apesar de não ser uma cena intimista — um concerto desta dimensão –, mas vou tentar puxar por aí. É irrepetível e isso agrada-me. Torna a cena especial. Apesar d’A História do Hip Hop Tuga, que não foi bem assim porque aconteceu agora outra vez [risos], o objectivo deste slot é criar momentos que não se repitam.”

O convite partiu da FADED, produtora/agência que idealizou A História do Hip Hop Tuga e o Sumol Summer Clash, dois momentos que ajudaram a esgotar as últimas duas edições do festival.

“Sinceramente, não estava nos meus planos… para já, não tenho jeito para organizar, e depois é sempre um risco. Sinceramente, eu imaginaria num sítio mais [adequado] para as pessoas que realmente consumiram este trabalho. Um sítio mais pequeno e menos ambicioso. Num Musicbox ou no Mercado da Ribeira. Posto o convite, eu comecei a pensar que não tinha risco nenhum, toda a gente vai receber o seu cachet. E não posso ser egoísta… também pode ser uma oportunidade para artistas como o Nameless ou o Ferry de pisarem estes palcos”, acrescentou STK, que, segundo a MNC, levará consigo Bispo, Blasph, Bob da Rage Sense, Boss AC, Classe Crua (Beware Jack), Daddy-o-Pop, Ferry, Francis Dale, GROGNation, Karlon Krioulo, Lancelot, Maze, Muleca XIII, Nameless, Phoenix RDC, Sir Scratch e Zuka.



Maze (Dealema) é o responsável pela curadoria no Palco Quiksilver. Em vez de Fortnite, o popular videojogo, a Ericeira receberá o ForteNorte. No primeiro dia, a Monster Jinx marcará presença com DJ sets de SlimCutz e E.A.R.L., mas não estará sozinha: Puro L (live act) e Laro Lagosta (street art) também terão o seu espaço. No segundo dia será a vez de XXIII (ou seja, Torres e NOIA), Cálculo (live act) e Oker (street art) subirem ao palco secundário.

Young Thug, THEY., Kappa Jotta, Brockhampton, Holly Hood e GROGNation juntam-se aos nomes anteriormente mencionados no alinhamento do SSF’19.