pub

ProfJam sobre “Mortalhas”: “Espero que a faixa inspire as pessoas a irem mais além”

[FOTO] Direitos Reservados

“Mortalhas” é o novo single de ProfJam. O instrumental é da Internet Money e conta com a produção adicional de Benji Price e Here’s Johnny. O vídeo foi realizado por Gerssis David.

Sem lançar um tema a solo desde Março, Mário Cotrim regressa com uma nova faixa, mais uma pedrada no charco. “Esta faixa vem no seguimento da minha série pós-Mixtakes e pós-Londres, que começa na faixa ‘Xamã’ e que, de certa forma, sinaliza o início da minha luta e caminho profissional no mundo da música aqui em Portugal. Esta série está ligada com um perfume sonoro e visual que entendi ser o mais indicado para aquilo que estou a viver agora e como me pretendo projectar no futuro. Esta faixa, ‘Mortalhas’, aborda isso mesmo, a drive de cada um, como manter a chama acesa durante o trajecto, seja ele o trabalho ou a vida num aspecto mais absoluto, que pode ter buracos e desvios, e como não esquecer que é preciso sacrifício, confiança e estratégia para superar as partes mais acidentadas da estrada. Acima de tudo, espero que a faixa inspire as pessoas a irem mais além, que queiram dar mais de si aos desafios da vida, que deixem as mortalhas de lado quando a vida assim o exige. O escapismo é importante quando merecido ou recomendado e não como uma constante da nossa vida”, desvenda o MC em conversa com o Rimas e Batidas.

 


mortalhas-prof


Nos créditos, encontramos três nomes que, aparentemente, nada têm que ver uns com os outros: Internet Money, Benji Price e Here’s Johnny. O membro mais destacado da Think Music explica: “A produção da música começou como é normal: a ouvir instrumentais até um deles me seduzir a conversar com ele. Apuro o processo de escrita com os flows e a letra e depois vou à parte criativa e técnica do áudio. Desta vez, juntei um dos in-house producers da Think, o Benji, para a primeira fase de pós-produção de um instrumental da Internet Money e o Here’s Johnny para a segunda fase e consecutiva finalização técnica. Fiquei bastante contente com o resultado e espero que eles também.”

“Xamã”, “Matar o Game” e a ainda quente “Mortalhas” são a expressão de uma nova fase no rap nacional, a narcotização através do auto-tune e das letras despudoradas. Apesar de não se comprometer, um trabalho mais longo está nos planos do “prof dos putos da nova gen”: “A ideia, para já, é trabalhar e medir o pulso ao que vou criando. Deixar que a música me diga o que é e não tentar empacotar coisas que podem não viver bem em conjunto. Um EP ou mixtape é possível que saia em breve, mas não quero forçar nada.”

Nos últimos tempos, a Think Music adicionou dois novos membros à equipa. A palavra a ProfJam: “L-Ali pelo peso sonoro, jogo de cintura e pen game. Oseias tem cultura, um skill set variado e popularidade.”

A editora tem presença confirmada na edição deste ano do MEO Sudoeste. O MC deixa o aviso: “O Sudoeste está a ser trabalhado. Neste momento, o que posso dizer é que estamos todos motivados para apresentar a equipa toda num registo de estreia absoluta em palco. Quem não for ver, pode muito bem estar a perder algo histórico.”

 


pub

Últimos da categoria: Curtas

RBTV

Últimos artigos