pub

Texto: ReB Team
Fotografia: Direitos Reservados

A cantora norte-americana faleceu esta quinta-feira. Tinha 76 anos.

Morreu Aretha Franklin, a rainha da soul

Texto: ReB Team
Fotografia: Direitos Reservados

Aretha Franklin, a rainha da soul, morreu esta quinta-feira, aos 76 anos, em Detroit. A cantora norte-americana não resistiu a uma longa batalha contra o cancro no pâncreas.

Nascida em Memphis, Tennessee, em 1942, Aretha Franklin navegou por territórios gospel, soul, r&b, jazz e pop durante a sua carreira e editou mais de 40 discos, amealhando 18 estatuetas nos GRAMMYs e colocando 73 canções no Hot 100 da Billboard. Também foi a primeira mulher a entrar para o Rock & Roll Hall of Fame, em 1987. Um ícone do feminismo e do movimento dos direitos civis que utilizou a sua plataforma e o seu talento para apoiar diferentes causas sociais.

A Rolling Stone acaba de publicar um artigo com as 50 melhores canções da cantora, uma oportunidade para recordar (e celebrar) o seu legado.

Como não poderia deixar de ser, a comunidade hip hop reagiu à morte de Aretha Franklin.


 

You will be missed ???????? R.I.P.

Uma publicação partilhada por Pete Rock (@realpeterock) a

 

Descansa em Paz Rainha ????????????????????????????

Uma publicação partilhada por Beware Jack (@bwjackk) a

 

Oh Sista … R.E.S.P.E.C.T ✨

Uma publicação partilhada por DA CHICK (@dachick__) a

 

The 3 seconds it takes for #ArethaFranklin to oooooze out the words “Sittin around..” is as pure & creative & as honest as any singer I’ve ever seen when a performance goes beyond mere entertainment. THIS is what we need to get back to. where raw genius rises above marketing strategy & monetary reach & “likes” (because let’s face it, look at the Billboard singles/Spotify singles/ITunes singles—-could she even find space to develop this talent? Or just give up & get a reality show and pray this works out? Now figure out the legions of talent that we either dismissed or passed on today or even the mesmerizing talent we’ve been shown near this level that can’t even begin to thrive in this environment without some angle) for those not in the know & wanna know, with the exception of her yet to be seen Sidney Pollack documentary Amazing Grace (her best captured 2 hours 1972 in chu’ch, in her zone in south central Los Angeles—-w The Rolling Stones sitting IN THE DECON SECTION)—-this Performance at the #MontreuxJazzFestival in 71 is as good as it gets: as a singer, as a bandleader (midshow she calls an audible and the brass section just gives up playing & accepts they are just happy to have best seats in the house), as a piano player—-so underrated!—and the fact she has her ace band in tow too (#KingCurtis as MD & #BernardPurdie on drizzums)—-this is her most magical effortless skillful scientific talents on display. Long Live #QueenAretha.

Uma publicação partilhada por Questlove Gomez (@questlove) a

pub

Últimos da categoria: Curtas

RBTV

Últimos artigos