pub

A lista do ano de KKing Kong

[FOTO] Hélder White

 

Pedro Maurício, que assina artisticamente como KKing Kong, pode marcar 2016 como ponto crucial na sua ainda breve, mas preenchida carreira com o lançamento de Damaia, EP de estreia que homenageia as raízes do produtor.

Na equipa da Enchufada, KKing Kong também tem estreitado relações com o hip hop ao trabalhar de perto com Carlão, Vilão ou Mike El Nite – leiam a entrevista aqui no Rimas e Batidas. Para sustentar o que foi dito anteriormente, nada melhor do que as suas escolhas para favoritos do ano:

 

 

[MELHOR ARTISTA NACIONAL] Orelha Negra

“Seja pelos concertos incríveis que deram no CCB ou no Super Bock ou pelas faixas que lançaram do próximo álbum, os Orelha Negra foram, sem dúvida alguma, os melhores artistas nacionais deste ano.”

 


[MELHOR ARTISTA INTERNACIONAL] Drake

“O homem que rebenta constantemente recordes de streams e vendas e também um artista que acompanho há imenso tempo e admiro bastante. Era muito complicado fazer uma lista assim e não mencionar o Drake. Seja um original ou uma collab onde ele entre, o toque dele faz toda a diferença.”

 


[MELHOR PRODUTOR NACIONAL] Here’s Johnny

“Esta escolha, para mim, também é um pouco óbvia porque, além de ser um amigo, é, sem dúvida alguma, um dos melhores produtores nacionais nos últimos anos. Conseguiu criar uma entidade muita específica na sua produção e o trabalho que fez n’O Dread Que Matou Golias do Holly Hood é espectacular.”

 


[MELHOR PRODUTOR INTERNACIONAL] Nineteen85

“O Nineteen85 tem feito tantos singles de sucesso e ninguém dá conta disso. Já foi nomeado para Grammys, esteve envolvido na ”One Dance”, ”Hotline Bling” do Drake, fez um projecto chamado DVSN e ainda trabalhou com nomes como Majid Jordan, Nicki Minaj, DJ Khaled e Partynextdoor no último single ”Not Nice”. É, sem dúvida alguma, um produtor muito bom e que me influencia bastante.”

 


[MELHOR FAIXA NACIONAL] “Do You No Wrong” por Richie Campbell

“Para mim, o melhor single feito em Portugal neste último ano. Não tenho muito mais a dizer sobre a faixa, mais uma grande produção do Lhast onde o Richie brilhou de forma incrível.”

 


[MELHOR FAIXA INTERNACIONAL] “Panda” por Desiigner

“Se houve faixa que este ano rodou todos os clubes e ainda hoje se ouve com a mesma força e provoca uma reacção enorme no público é a ”Panda” do Desiigner. É aquela faixa que consegue mudar uma festa quando é lançada na altura certa.”

 


[MELHOR DISCO NACIONAL] O Dread Que Matou Golias de Holly Hood

“O Holly Hood apareceu e venceu. Carrega a Superbad com o Here’s Johnny: juntos criaram uma sonoridade muito própria que é extremamente boa e ao mesmo tempo elevaram a fasquia no hip hop tuga.”

 


[MELHOR DISCO INTERNACIONAL] Starboy de The Weeknd

“Apesar de ter saído há relativamente pouco tempo, tudo neste álbum dentro da pop parece-me correcto e soa-me bem. Tem convidados como Lana Del Rey, Kendrick Lamar, Future, produções dos Daft Punk, Metro Boomin, Benny Blanco, Diplo e Cashmere Cat. Acho realmente que é das melhores coisas que saiu este ano.”

pub

Últimos da categoria: Curtas

RBTV

Últimos artigos