Landim: “O Puto G era um dos melhores rappers em actividade”

[FOTO] Direitos Reservados

Landim, Piruka, Vado MKA, Fumaxa, Chyna e Timor YSF vão estar esta sexta-feira no Titanic Sur Mer a homenagear Puto G, rapper da Cova da Moura que morreu no início deste mês. A entrada para o evento de tributo custa oito euros. “No final da noite, vamos recolher o dinheiro acumulado e doá-lo à mãe do Puto G”, explicou Landim ao Rimas e Batidas.

 



Para muitos, José Carlos Cardoso era um dos mais promissores talentos do rap crioulo. Em “Fronta”, Puto G meteu o hip hop português em sentido juntamente com a sua crew Kova M, lançando vários temas soltos nos anos que se seguiram — “Hey” e “Zoo” ficam entre as mais recentes faixas de um “survivor na corrida” que emigrou para o Luxemburgo à procura de melhores oportunidades.

“É injusto, porque o Puto G era um dos melhores rappers em actividade e só agora tem o reconhecimento que merece”, disse Landim ao ReB. “Apesar de ter milhões de views no YouTube e milhares de fãs em todo o lado, só agora as pessoas vêem a importância que um jovem rapper negro e crioulo tem nas vidas das pessoas. G deixou-nos mais do que música, deixou-nos uma atitude, uma maneira de ser, dos mais reais a fazer parte deste movimento só nosso. Deixou-nos uma obra incompleta, infelizmente. Tinha muito para nos dar.”

De Portugal a Luxemburgo, várias mensagens e e-mails foram trocados entre Landim e Puto G, dois nomes importantes no rap crioulo e que apreciavam as capacidades um do outro. O MC de Mem Martins relembrou alguns dos conteúdos dessas conversas à distância: “Lembro que uma das últimas vezes que falámos foi via e-mail. Ele pediu-me e perguntou-me por sons novos e eu enviei-lhe a minha faixa ‘Lenda’. Ia lançá-la uns dias depois, ainda não tinha saído. Pelo que percebi, ele gostou muito da faixa, deu-me mega props, e depois enviou-me o som dele ‘Zoo’. Fiquei a ouvir esse som uma tarde inteira e mandámos snaps um para o outro a dar props, a mandar pequenas dicas. Incentivei-o na sua nova vida em Luxemburgo. Como o G já não se fazem mais.”

Piruka, Vado, Fumaxa, Chyna e Timor YSF juntam-se ao autor de Trap’s Drama na homenagem a Puto G, que acontece esta sexta-feira no Titanic Sur Mer. O valor das entradas reverterá a favor da família de José Carlos Cardoso. Landim clarifica os moldes do evento: “está previsto acontecer das 22h às 4h da manhã. Vai ser uma zona de convívio ‘G’, com som ambiente a cargo dos DJs. As actuações dos MCs serão curtas, dois ou três temas, e cada um fará uma homenagem à sua maneira, lembrando a pessoa e o artista que o Puto G era. No final da noite, vamos recolher o dinheiro acumulado e doá-lo à mãe do Puto G.”

 


ReB Team

ReB Team

Facebook.com/rimasebatidas
Twitter: @rimasebatidas
Instagram: @rimasebatidas
SoundCloud.com/rimasebatidas
YouTube.com/c/rimasebatidas
Mixcloud.com/rimasebatidas
ReB Team