pub

DJ Glue convida Sam The Kid, Fumaxa e Here’s Johnny para a noite C.R.E.A.M. de Novembro

[FOTO] Direitos Reservados

Uma batalha de produtores no Lux Frágil. No dia 2 de Novembro, Sam The Kid, Fumaxa e Here’s Johnny encontram-se no mítico espaço nocturno para um choque de titãs.

 



Se 2017 está a ser um ano incrivelmente diversificado em termos sónicos no rap nacional, o trio que tomará conta da cabine na quinta-feira da próxima semana é directamente responsável por isso. Vamos por partes: em primeiro lugar, Samuel Mira, nome incontornável do hip hop português. Se as rimas tornaram-no num marco, a verdade é que os instrumentais nunca poderão ser descartados da conversa. No ano vigente, o rapper e produtor de Chelas foi responsável pelos beats de “Arrisca” (Muleca XIII) ou “Pay Day” e “Nada a Ver” (Regula), demonstrando que ainda tem alguns truques por revelar.

De seguida, o parceiro de estrada e produtor de eleição de Bispo, Fumaxa. Quando não está a criar ondas com o MC da Linha de Sintra, o artista coloca créditos no álbum de estreia de Slow J, The Art of Slowing Down, ou ajuda Chyna a firmar créditos no rap nacional com Made In Chyna. O futuro da produção nacional está aqui.

 



Para fechar, Here’s Johnny, candidato a melhor produtor português do ano, se o prémio existisse, nos últimos quatro anos. Porém, a actividade em 2016 e 2017 acabaram por elevá-lo a estatuto de intocável. Com mistura e masterização em mais de metade do rap nacional que estão a ouvir, o artista da Linha da Azambuja foi um dos principais arquitectos do sucesso da Superbad, construindo a paisagem sónica para Holly Hood, No Money ou 9 Miller brilharem.

Depois da editora de LA portuguesa ter tomado conta do Lux no dia 19 de Outubro, o trio de ataque prepara-se para “partir pescoços” na edição de Novembro. Quem quer beats ilimitados?

 


pub

Últimos da categoria: Avanços

RBTV

Últimos artigos