pub

Texto: ReB Team
Fotografia: Direitos Reservados

O consumar de um namoro antigo.

Conway e Alchemist falam a mesma linguagem em LULU

Texto: ReB Team
Fotografia: Direitos Reservados
O encontro de titãs foi ontem disponibilizado: LULU, o EP colaborativo de Conway The Machine com The Alchemist, expõe a química que os une em sete temas. E convida ScHoolboy Q e Cormega para se juntarem a esta celebração. Donna-Claire Chesman, editora-chefe da DJBooth que entrevistou a dupla a propósito deste lançamento, chamou-lhe “um casamento hip hop feliz”. Na conversa, o produtor desfez-se em elogios ao rapper: “Com o Conway, eu sei o que ele consegue fazer. Eu tenho que lhe mostrar o melhor beat e ele vai, obviamente, criar algo que te vai virar do avesso. Eu vou à procura disso, claro, mas existem vários sítios onde ele se consegue encaixar. O nível da sua habilidade para escrever, as diferentes emoções que ele consegue expressar… Ele é perigoso”. Do outro lado do barricada, o MC da Griselda retribuiu, assumindo que a exigência estava no máximo para honrar o legado de Prodigy e outros grandes artistas que colaboraram com Daniel Maman. Ao longo dos últimos anos, o duo foi-se encontrando em faixas como “Ajax“, “Miss You“, “Judas“, “Fork In The Pot“, “94′ Ghost Shit“, “Ray Mysterio“, “No Woman No Kids” ou “Eastside“. Em 2020, Alc lançou um álbum a meias com Boldy James (The Price of Tea in China) e produziu temas para discos de Eminem (“Step Dad“) e Jay Electronica (“The Neverending Story“). A “máquina” de Buffalo participou em canções de CJ Fly (“CITY WE FROM“), Royce 5’9” (“FUBU“) ou Graph (“Pray“).

pub

Últimos da categoria: Curtas

RBTV

Últimos artigos