Bongo Joe investiga cena electrónica suíça dos anos 80

[TEXTO] Rui Miguel Abreu [FOTO] Direitos Reservados

Após ter apresentado a compilação Léve Léve centrada na produção musical de São Tomé e Príncipe dos anos 70 e 80 (com data de lançamento marcada para o próximo dia 31 de Janeiro), a editora Les Disques Bongo Joe fez saber que editará, em estreita colaboração com a Decalé, Intenta – Experimental & Electronic Music From Switzerland 1981 – 93 no próximo dia 28 de Fevereiro.

Nesta nova antologia reúne-se trabalho de artistas como Andreas Hofer, Claudine Chirac, Bells of Kyoto ou Dressed Up Animals numa viagem que se estende, de acordo com as notas de apresentação de Bjørn Schaeffner, entre o “synth-pop mais alternativo e o jazz extra-terrestre, ligando os pontos entre as excursões pós-punk e a experimentação proto-house”.

“Esta compilação cobre um período de transição: quando as canções se transformaram em sons. Quando os sintetizadores e os samplers se tornaram na regra na música produzida de forma caseira e alternativa. Quando um movimento juvenil politizado lentamente cedeu o passo a uma adopção hedonista da cultura techno na Suíça. Intenta explora as franjas de uma cena que ainda esperava para acontecer. Muitos destes exploradores estavam por conta própria. E muitas vezes a única forma de os contactar seria através da loja local de sintetizadores”.

Estes artistas exploratórios vinham sobretudo de um eixo estabelecido entre Genebra e St. Gallen e “articulavam uma sensibilidade pop (Air Project, Sky Bird, D-Sire, Peter Philippe Weiss), entrando em mundos computorizados (Claudine Chirac, Olivier Rogg, Carlos Perón), explorando costas exóticas (Andreas Hofer, Bells of Kyoto, Fizzè), erguendo discotecas do futuro (Aborted at Line 6, Carol Rich, UnknownmiX) ou encontrando maravilhamento glaciar (Dressed Up Animals, Elephant Château, I Suonatori)”.

Este retrato da cena suíça mais avançada dos anos 80 e arranque da década de 90 foi criado por Matthias Orsett e Maxi Fischer. Nas notas de apresentação da compilação lamenta-se os desaparecimentos recentes de Karl Lienert Löwenherz dos Dressed Up Animals ou Claudius Scholer dos Sky Bird, que faleceram durante a preparação da compilação.


Rui Miguel Abreu

Rui Miguel Abreu

Crítico musical desde 1989, Rui Miguel Abreu escreve atualmente para a Blitz e integra a equipa da Antena 3. De vez em quando também gosta de tirar o pó aos discos e mostrá-los em público.
Rui Miguel Abreu