Search result for: vado mas ki as

Stankonia comemora 15 anos com mini-documentário

MTV News produz OutKast’s ‘Stankonia’ Album: 15 Years Later como homenagem ao duo que colocou Atlanta no mapa.

Ler +

VILÃO: “Escrever rimas tornou-se um vício”

Mau da Fita acaba de ser disponibilizado em versão digital, mas o rapper da ASTROrecords também lança o seu álbum de estreia em CD.

Ler +

Cálculo: “A Zul é um álbum feliz, que traz boas vibrações”

O rapper e produtor nascido em Barcelos, e que mora em Londres, estreia-se em disco com A ZUL, um álbum honesto, directamente do coração para as batidas.

Ler +

Bruxas, fantasmas e possessões electrónicas: uma cartografia pelas BSO de terror

Aproveitando a época de halloween, Bruno Silva mapeia livremente um possível paradeiro da electrónica no epicentro do terror actual.

Ler +

Elaenia é o álbum de estreia do britânico Floating Points

Quando o modus operandi do jazz é empregue na música electrónica, o resultado só pode ser, pelo menos, inesperado.

Ler +

Orelha Negra vão apresentar novo álbum em Janeiro no CCB

A 16 de Janeiro próximo, ou seja 16.01.16 para quem gosta destas coisas da simetria e dos números, o quinteto fantástico apresenta novo material ao mundo.

Ler +

Postais de Londres: Violet

Aos 11 anos de idade já só queria sair à noite para escutar a dance music que ecoava em Alcântara. Pelo meio também se embrenhou pelas rimas. Hoje é um do expoentes do Portuguese Dance Music, designação que faz questão de empregar quando se fala da música electrónica que se produz no nosso país. Violet na primeira pessoa em vésperas de inaugurar a Rádio Quântica com Photonz.

Ler +

Postais de Londres: Silvestre

É um produtor que se alinha com a cena techno-experimental e que também se aventura pelos beats hip hop. Silvestre deixou a Parede há quase dois anos e encontrou em Londres as oportunidades que procurava para explanar as suas criações nas pistas-de-dança. Este é o primeiro de uma série de postais de artistas portugueses que dão cartas nos clubes do Reino Unido.

Ler +

Beware Jack: “Não sou só papel, rima e flow – tenho mais música em mim”

Rapper, intérprete e letrista. Beware Jack é dos tais artistas no movimento hip hop tuga que não lembra nenhum outro ao ouvi-lo. O Rimas e Batidas foi, por isso mesmo, ao seu encalço para uma conversa descontraída, com o sol escaldante da capital no horizonte, sobre as primeiras rimas, os álbuns colaborativo com Blasph e Sam The Kid e o disco a solo que está a geminar.

Ler +

7 Dias, 7 Vídeos

Uma semana de novidades audiovisuais nos terrenos do hip hop pela mão de Gonçalo Oliveira.

Ler +